pratosaudavelHábitos alimentares saudáveis devem ser adotados desde os primeiros anos de vida, pois mudá-los fica cada vez mais difícil conforme avança a idade. O controle da dieta é o primeiro passo e um dos mais importantes para a prevenção e tratamento de doenças do coração.

Segundo dados da Análise de Consumo Alimentar Pessoal no Brasil, que faz parte da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2008-2009, realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a alimentação de 90% dos brasileiros é rica em produtos calóricos e de baixo teor nutritivo. O consumo de frutas, verduras e legumes está muito abaixo do padrão preconizado pela OMS (Organização Mundial da Saúde), pois nem 10% da população consomem os 400 gramas recomendados.

Em contrapartida, a quantidade de açúcar ultrapassa os 10% da ingestão total de calorias diárias recomendados pelo Ministério da Saúde. O resultado é visível nas ruas: adultos com sobrepeso ou obesos. Para orientar os que desejam mudar o estilo de vida, o Incor (Instituto do Coração), do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, disponibiliza uma cartilha que ajuda a montar um prato saudável (www.meupratosaudavel.com.br).

Aqui vai uma dica geral que pode ser seguida na alimentação diária. No café da manhã, dê preferência para uma bebida láctea desnatada acompanhada de um cereal integral e de uma fruta. No almoço e no jantar, reserve metade do prato para as hortaliças cruas ou cozidas (cenoura, chuchu, abobrinha). Na outra metade, sirva-se de um alimento do grupo dos cereais (arroz, farinha) ou tubérculos (batata, mandioca), uma porção de uma leguminosa (grão de bico, feijão, lentilha) e de uma porção de carne magra.

Uma das regras mais difundidas e que continua valendo: faça um prato bem colorido, pois assim você estará consumindo alimentos variados e ricos em todos os nutrientes de que o seu organismo necessita.

Nos intervalos faça lanches com alimentos do grupo do leite ou derivados, dando preferência sempre às opções com menor teor de gordura (light) e às frutas. Se quiser, pode adicionar um alimento do grupo dos cereais, como pães e biscoitos (integrais, de preferência) ou aveia.

Se você tiver o hábito de consumir líquidos nas refeições, dê preferência à água ou aos sucos de frutas naturais.